O Pavilhão dos Cancerosos

Autor: Alexandre Soljenitsine

Editora: Dom Quixote

Data/Edição: 1973(5ªedição)

Nºde Páginas: 641 págs.

Estado de conservação: Muito usado, encadernado com papel cebola

Outras observações: Colecção Prémio Nobel 2. Esgotado no editor.

Preço: 15€

Sinopse:

“Ao fim e ao cabo, não estou a pedir uma longa vida. Por que razão quereria eu mergulhar profundamente no futuro? Primeiro, vivi com guardas à volta, depois vivi com dores e agora apenas quero viver um pouco mais, sem guardas e sem dores, simultaneamente sem uns e sem as outras. É esse o limite da minha ambição.

Nem peço Leninegrado nem o Rio de Janeiro, tudo o que pretendo é o nosso bocadinho de chão no deserto, na humilde Uch-Terek. Em breve será Verão e, neste Verão que se aproxima, quero dormir sob as estrelas, acordar de noite e saber pelas posições do Cisne e do Pégaso que horas são, viver apenas esse único Verão e contemplar as estrelas sem a interferência de holofotes patrulhando os céus – e depois então ficaria contente se não acordasse mais.”

PRÉMIO NOBEL 1970